GIF 728x90 - Produtos Exclusivos

Brasil x México: Seleção Brasileira joga mal e empata sem gols

Postado por em 17/06/2014

Categoria: Seleções
Etiqueta(s): Copa do Mundo 2014, Estádio Castelão, México



Brasil x México: Neymar tentou mas não consegiu evitar o empate sem gols

Brasil x México jogaram pela segunda rodada do Grupo A na noite desta terça-feira. A Seleção Brasileira não apresentou um bom futebol e acabou empatando sem gols com a Seleção do México. A torcida presente ao Estádio Castelão, em Fortaleza, apoiou a seleção do começo ao fim e duelou nas canções com o enorme número de mexicanos que também estiveram presentes.

As duas seleções terminaram a rodada empatadas com quatro pontos e seguem líderes do grupo, sendo que a Seleção Brasileira assume a ponta no saldo de gols (um gol a mais). Os outros dois participantes do grupo, Croácia e Camarões, jogam amanhã.

Hulk não participou da partida, por conta de uma lesão na coxa esquerda, mas esteve presente no banco de reservas para incentivar seus companheiros. Ramires iniciou o jogo no lugar dele, como era de se esperar.

A Seleção Brasileira volta a campo na próxima segunda-feira, dia 23. O jogo Brasil x Camarões será o último da primeira fase e será disputado no Estádio Mané Garrincha, em Brasília às 17h. O México pega a Croácia no mesmo dia e horário, porém jogará no Recife.

Brasil x México: Resumo do primeiro tempo

No início da primeira etapa, a Seleção do México tinha maior posse de bola e trocava passes entre si. A grande torcida mexicana cantava e vibrava bastante. O primeiro lance de perigo aconteceu aos 11′. Oscar cruzou para Fred, pela esquerda, e ele finalizou para fora. A bola tocou na rede pelo lado de fora e enganou, inclusive, o assistente. Ele correu para validar o gol mas o árbitro viu que o jogador estava em impedimento, além de a bola sequer ter entrado.

O lance pareceu acordar a seleção do Brasil. Os jogadores, muito nervosos, se acalmaram e passaram a ter mais posse de bola. Em um ataque pelo lado esquerdo, Oscar chegou até a linha de fundo e cruzou. Mas a zaga mexicana conseguiu afastar o perigo.

Aos 24′, a Seleção do México arriscou de fora da área através de Herrera. Júlio César tirou com a ponta dos dedos mas o árbitro turco não viu e marcou tiro de meta.

O México sentia o bom momento e partia pra cima do Brasil. Em uma saída errada, um contra-ataque brasileiro terminou com uma cabeçada fulminante de Neymar, aos 26′, mas o goleiro Ochoa fez uma defesa espetacular de puro reflexo e impediu o gol do brasileiro.

Ramires, que entrou no lugar de Hulk, pouco apareceu e Fred, muito isolado na frente, quase não viu a cor da bola. Aos 41′, Vásquez quase abriu o placar com um chute de fora da área.

A Seleção Brasileira chegou com perigo no final da partida, através de uma bola parada. Aos 44′, Neymar cobrou, Thiago Silva ajeitou de peito e Paulinho ficou livre, cara a cara com Ochoa. Entretanto, o voltante chutou em cima do goleiro mexicano e perdeu uma chance incrível de abrir o placar.

Antes do apito final do primeiro tempo, Ramires ainda fez uma falta desnecessária e foi punido com cartão amarelo pela arbitragem. Ele se juntou a Neymar como os dois jogadores pendurados na Seleção Brasileira. Nesta Copa do Mundo, dois cartões amarelos suspendem um jogador.

Brasil x México: Resumo do segundo tempo

Vendo bem o jogo, Felipão percebeu que Ramires pouco produziu e o substituiu por Bernard. A Seleção Brasileira voltou mais ofensiva com esta formação. Com apenas três minutos em campo, Bernard fez mais que Ramires durante todo o primeiro tempo.

Ele fez uma boa arrancada pela direita e levantou na área. Porém, a defesa mexicana conseguiu afastar a bola para escanteio. O México dominava a partida e levava susto para o gol de Júlio César.

Vásquez tentou de fora da área, aos 10′, e Herrera também arriscou aos 12′. Com a seleção acuada, Felipão tentou mudar o panorama da partida tirando Fred e colocando Jô, aos 23′.

A partir daí a partida pegou fogo e o Brasil equilibrou o jogo, que estava muito favorável aos mexicanos. David Luiz passou a ser um ponta esquerda, a seleção tentava mas Ochoa – eleito o melhor jogador em campo – pegava tudo.

Já no fim da partida e com evidente cansaço, o México passou a diminuir seu rítimo. Chicharito Hernandez entrou aos 29′ no lugar de Peralta, que pouco fez durante o tempo em que ficou no campo.

Aos 45′, Ochoa fez novamente uma defesa espetacular após cabeçada de Thiago Silva. O zagueiro brasileiro mandou um petardo de cabeça, a queima-roupa e sozinho. Mas o goleiro mexicano estava inspirado e pegou novamente.

Brasil x México: Ficha técnica

Placar: Brasil 0 x 0 México

Local: Estádio Castelão, em Fortaleza

Data: 17/06/2014 às 16h (de Brasília)

Público: 60.342 pagantes

Arbitragem: Cuneyt Cakir (árbitro, da Turquia), Bahattin Duran (assistente, da Turquia) e Tarik Ongun (assistente, da Turquia)

Cartões amarelos: Ramires e Thiago Silva (pelo Brasil); Agullar e Vázques (pelo México)

Brasil: Júlio César; Daniel Alves, Thiago Silva, David Luiz e Marcelo; Luiz Gustavo, Paulinho, Ramires (Bernard) e Oscar (Willian); Fred (Jô) e Neymar. Técnico: Luiz Felipe Scolari.

México: Ochoa; Agullar, Rodriguez, Rafa Márquez, Moreno e Layun; Herrera (Fabian), Vázquez e Guardado; Giovani dos Santos (Jiménez) e Peralta (Chicharito Hernández). Técnico: Miguel Herrera.

Fonte: ESPN Brasil


Sugestões de leitura:

Brasil x México: Seleção Brasileira joga mal e empata sem gols 5.00/5 (100.00%) 3 votes

Enviar Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

(Spamcheck Enabled)